Ver Histórico



Procurar




  


Newsletter

Nome
  
E-mail
  




Links



A espera da hora

13/06/2018

 

Essa tal de internet, whatsApp e outros modismos que estão por aí, principalmente depois que Donald Trump conseguiu derrotar a mídia americana, está sendo usada para demolir a classe política brasileira, que está apelando para criar obstáculos às redes sociais que pautam seus noticiários com uma sutileza, para não dizer criatividade, incrível.

Lula está morto. Sofreu um AVC na sua cela, dentro da Polícia Federal”, ou até mesmo a informação que teria se enforcado, à falta de um revólver na mão e cheio de coragem para imitar Getúlio Vargas...

À meia distância da sede da Polícia Federal, em Curitiba, Lula se resume a um trapo político sem maiores expressões, a não ser pelo favor de alguns adeptos, a soldo do PT para, nos finais da tardes, na chamada boca da noite ou ao alvorecer, uníssonos, gritarem em saudações: “Bom dia presidente Lula”. “Boa noite. Presidente Lula”, debaixo de um frio miserável que Curitiba reservou para essa gente que forma uma ridícula opinião pública de duas ou mais dezenas de gatos pingados, inexpressivos.

Na verdade, o “comitê de pretensos amigos de Lula, às proximidades da sede da Policia Federal, em Curitiba, Paraná, se assemelha a uma reunião em torno de um cadáver sem ainda data e hora marcada para o sepultamento, com largos anos pela frente, sem o poder da comunicação pessoal.

Ainda acredito, pelos que se observa de apatia política do chamado eleitorado brasileiro, que os partidos políticos, que somam a mais de três dezenas, estão em estado de agonia com uma morte lenta anunciada para breve, o que deve coincidir com os acontecimentos que marcarão a ruptura no sistema político vigente, o que será aplaudido pela maioria da sociedade, inteiramente descrente que o atual quadro político – partidário nacional levará o país a algum lugar decente.

Dizem sempre que, em política pode acontecer de tudo que se imagina de impossível, mas se por uma infelicidade ocorrerem eleições, para a classe política será muito pior do que uma espécie de “golpe de Estado” impedir que a classe politica sofra um importante esmagamento moral, pela ausência de votos.

Os amantes de Lula, escalados pelo PT e a CUT, nas proximidades da Policia Federal, em Curitiba, com suas arengas cavernosas em adoração ao ídolo condenado à prisão por apropriações indébitas, estão defendendo seus interesses pessoais, suas remunerações, seus pães com mortadela, para mostrarem que são pobres como o chefe trancafiado.

Vai ser divertido o fim dessa presepada petista.

 

 


Imprimir | Enviar para um amigo