Ver Histórico



Procurar




  


Newsletter

Nome
  
E-mail
  




Links



Só passando a limpo

18/11/2017

NOTA– Você vai ler um comentário independente, sem enganos, sem mentiras. Se Você entender que não deva prosseguir com sua leitura, delete-o. Nunca suporte o que não gosta. Se não ler, vai perder a oportunidade de conhecer a verdade.

 

Na sua edição de domingo, 05 de novembro, A GAZETA trouxe matéria interessante e velha, ao abordar que, no Estado, espera por Justiça dura até 70 anos. Não é no Espírito Santo, é no Brasil, no Supremo Tribunal de Justiça, em todos eles. Temos a Justiça mais cara do mundo e uma das mais lerdas e ineficientes, simplesmente porque a formação cultural, política, administrativa e organizacional do país não permitem que a estrutura do estado seja decente, moderna, atuante.

Temos excesso de Justiça, mas sua aplicabilidade é mínima, caminha aos empurrões, aos sopapos.

No sistema político nacional existem duas aberrações, melhor explicando, o que nenhum país do mundo civilizado tem: as justiças trabalhista e a eleitoral, afora tribunais aos montes, num processo de empreguismo que não tem fim...

Os problemas nacionais só serão resolvidos o dia que a nação passar por um profundo trauma, onde deverá morrer muita gente, principalmente aqueles que não querem que a nação caminhe.

Tudo no Brasil dá errado, caminha as avessas. Vejam que, na atualidade, o mundo passa por problemas climáticos graves, inclusive o Brasil mas, a burrice, aliada á incompetência e a preguiça não permitem que sejam realizadas obras de regularização dos efluentes. Na década de 60 os rios Doce, Santa Maria, Cricaré, eram navegáveis. A profundidade de seus leitos foi diminuindo, devido a assoreamento que, como no caso do Doce, pode ser atravessado com água pela canela. Comparando os acontecimentos da atualidade brasileira para com países como Alemanha, França, Portugal, Espanha, Inglaterra, Leste Europeu, é de nos fazer vergonha, diante do mais imoral abandono em que se encontram nossas reservas hídricas.

A regularização das águas do Danúbio, do Reno, por exemplo, datam de 1700, até para trás, quando foram construídas eclusas reguladoras de vasão.

Quando, um governante esteve preocupado com as violentas cheias dos rios e a seca enervante, pela mais absoluta falta de regularidade das vasões?

O Brasil precisa ser passado a limpo, ser redescoberto, banir a assustadora delinquência que mata 60 mil pessoas por ano. Precisamos urgentemente educar a nossa sociedade para que ela seja livre, tenha coragem, dignidade.

Um dos pontos mais importantes de um país, é o comportamento de sua justiça.

No momento, a que temos é cara, lerda e insensível aos reclamos dos mais necessitados.

 


Imprimir | Enviar para um amigo

Como suportamos a tanto?

17/11/2017

NOTA– Você vai ler um comentário independente, sem enganos, sem mentiras. Se Você entender que não deva prosseguir com sua leitura, delete-o. Nunca suporte o que não gosta. Se não ler, vai perder a oportunidade de conhecer a verdade.

 

A partir de 1985 foi acometido por uma série de desatinos políticos que é incrível como a nação suportou tanta insensatez dos que governaram com o objetivo único de pilhar os cofres públicos.

Não sei como a nação brasileira, sua sociedade, por mais burra que ela seja, pode suportar um andarilho boçal como Lula percorrendo cidades, pregando mentiras sobre uma administração que ele fez em detrimento de toda nacionalidade, desgraçando com os esforços de desenvolvimento que sempre nutrimos, a despeito da má política. Os números são estarrecedores. Como conseguimos sobreviver com os petistas no poder. A sucessão de erros é tão grande que, imagina-se, se a Justiça não correr, como deveria, Lula poderá voltar ao poder do país, para nossa mais completa desgraça.

Vamos aos impressionantes números da máquina petista:

·         40 bilhões de reais com os Jogos Olímpicos;

·         30 bilhões de reais com a Copa do Mundo de Futebol;

·         121 bilhões de reais desviados da Petrobras;

·         12,6 bilhões de reais repassados a 7.700 ONGs, governo Lula;

·         9 bilhões de reais em publicidade, em 4 anos do governo Dilma. O último não tenho;

·         7 bilhões de reais em publicidade, governo Lula;

·         1 bilhão de reais ao MST e outros movimentos ligados ao PT, governo Dilma

·         152 milhões de reais repassados ao MST, só no governo Lula;

·         154 milhões de reais com cartão corporativo (gastos secretos), gestão Dilma.

·         65,9 milhões de reais repassados à UNE nos governos Lula e Dilma;

·         50 milhões de reais com cartão corporativo (gastos secretos) gestão Lula;

·         11 milhões de reais repassados por Dilma a blogueiros petistas às vésperas do impeachment;

·         6,5 bilhões de reais em obras na República Dominicana;

·         1 bilhão de reais/ano de mesada à ditadura cubana, sob o disfarce de “Mais Médicos;

·         2,9 bilhões de dólares investidos a fundo perdido na construção da primeira fábrica de medicamentos contra Aids da África, em Moçambique; fazendas experimentais de arroz no Senegal e de algodão em Mali; projetos agropecuários, de combate ao trabalho infantil e de capacitação de docentes para o ensino de português no Timor- Leste, e a implantação de bancos de leite humano de 22 países da África.

·         1,5 bilhão de dólares de prejuízo naquela falsa tomada de assalto às refinarias da Petrobras na Bolívia. Na verdade foi um ato nojento e covarde de traição do governo petista ao povo brasileiro. Conforme posteriormente Lula confessou, ele e o índio cocaleiro já haviam acertado toda a farsa, anteriormente: Evo faria o teatrinho de “ocupação” das instalações da Petrobras e ele doaria tudo à Bolívia. Assim foi feito;

·         1,22 bilhão de dólares na construção de uma 2° ponte de 3.156 m sobre o rio Orinoco, Venezuela.

·         1,5 bilhão de dólares na construção de um trem subterrâneo na Argentina (o famoso soterramento do Ferrocarril Sarmiento, ligando Buenos Aires a Moreno)

·         1 bilhão de dólares para o metrô Cidade do Panamá;

·         900 milhões de dólares de perdão de dívidas a ditaduras africanas para com o Brasil;

·         792,3 milhões de dólares de prejuízo na compra da refinaria de Pasadena, Texas

·         732 milhões de dólares na construção de Metrô de Caracas, Venezuela;

·         692 milhões de dólares para o porto de Mariel, Cuba;

·         636,8 milhões de dólares na expansão de gasodutos da distribuidora Cammesa, Argentina.

·         400 milhões de dólares em auxílio para compra de alimentos para Cuba;

·         200 milhões de dólares para compra de máquinas agrícolas para Cuba (bolsa agrícola cubana);

·         6 milhões de dólares para melhorias no porto de Mariel, em Cuba”


“Só” isto acima totaliza a bagatela de R$ 229.412.000.000,00

Realmente, como conseguimos sobreviver ao PT?!!

Entre outros ...

Divulguem. O Brasil precisa saber!”

 

 


Imprimir | Enviar para um amigo



« Recentes   1879 1878 1877 1876 1875 1874 1873 1872 1871 1870   Anteriores »