Ver Histórico



Procurar




  


Newsletter

Nome
  
E-mail
  




Links



Loucuras esquerdopatas

05/04/2020

 

Tomem nota para o que vou dizer: não vai demorar muito toda a nação vai rir do papel de palhaço que esses esquerdopatas andam fazendo por ai, para atormentar a vida do presidente Jair Messias Bolsonaro, como se ele fosse o responsável, único, de se espalhar pelo mundo o coronavírus originário da China.

É divertido, como o presidente Bolsonaro ocupa uma cadeia de rádio e televisão para falar à nação sobre o que o governo acha dessa monstruosa virose para, logo em seguida, os sábios da Globo caírem de pau sobre ele, invertendo o que falou, como se ninguém estivesse prestando atenção de que mostram, desesperados com a impressionante capacidade de convencimento do presidente, querendo que as atividades econômicas da nação voltem a funcionar.

Temos que repetir com a necessária veemência: a melhor coisa que aconteceu à política nacional, nos últimos 100 anos, foi o desmonte do mais imoral processo de corrupção montado na história de um país, por um partido político, que vinha com o discurso de moralização, mas se transformou num aglomerado de ladrões, ocupando todas repartições públicas e empresas estatais.

Desesperado, o sistema da mídia nacional foi pelos are com a chegada das redes sociais. Quem está preocupado com o que diz a Globo? Quem podia imaginar que se espalhasse pela nação manifestações espontâneas contra o outrora importante sistema de televisão? As pesquisas de opinião pública, as mais vergonhosas, instaladas com objetivo de destruir a imagem do candidato e depois do presidente Jair Messias Bolsonaro. Quem não vê? E a facada que um facínora em plena praça pública, às vésperas das eleições, como se fosse um acontecimento banal? Será que essa imprensa esquerdopata imagina que o povo é burro? Ninguém está vendo que a luta contra o presidente Jair Messias Bolsonaro é para ter-se uma volta à ladroagem do passado?

Velho adágio: “Não há bem que sempre dure e mal que nunca se acabe”. Estamos assistindo o mais vergonhoso espetáculo montado com objetivo de por fim à corrupção. Essa gente, esquerdopata, tem pavor de Bolsonaro, Sérgio Moro e dos militares no poder. Militar não rouba, não tem condições de trair os sentimentos da pátria, daí o pavor que essa gente tem, daí a loucura para tirar Jair Messias Bolsonaro do poder, inventando os mais impressionantes fuxicos com pessoas do staff presidencial.

Bolsonaro está cagando solenemente para essa gente sem escrúpulos. Vocês vão ver ainda coisas interessantes ocorrerem no Brasil.

O povo brasileiro enjoou de corruptos no poder. Não tem retorno a corrupção e os corruptos. Lula morreu, faltou enterrá-lo.

 

 

 


Imprimir | Enviar para um amigo

Bolsonaro: o único corajoso.

04/04/2020

 

No Brasil, de uma hora para outra, as coisas viraram de pernas para o ar, tudo porque um vírus, coronavírus, nascido na China, foi transportado para vários países, fruto da entrada e saída de pessoas da região de seu surgimento Gwhan, onde morreram milhares de pessoas, idosos, com baixa imunidade.

 

Sob os auspícios da OMS – Organização Mundial de Saúde, órgão ligado à ONU – Organização das Nações Unidas, um ninho de comunistas, de onde diziam que Lula era Inocente e pedia sua liberdade, passou a ser adotado pelo nosso noticiário de TV, alarmante, destemperada, levando o país a uma pandemia absurda.

 

Ninguém está querendo diminuir o poder de contaminação do coronavírus, mas ele não tem “potência”, capacidade de matar todo mundo que o hospeda. Agora mesmo o famoso médico Dr. Roberto Kalil, o médico paulista, que atende os chamados famosos, como Lula e Dilma, às custas dos nossos bolsos, quando tiveram seus problemas de câncer, contraiu o coronavírus, mas já está recuperado. Embora médico, bem cuidado, foi infectado, naturalmente por falta de maiores cuidados com seus contatos com pessoas que foram se consultar com ele.

 

Medidas de precaução, como andar em ônibus ou trens lotados, apertados de gente, deve ser evitado o máximo possível, mas o que se torna impossível no  Brasil, onde o sistema de transporte urbano é grandemente  precário.

 

Quem está enfrentando o coronavírus com certa determinação é o  presidente Jair Messias Bolsonaro, contrariando seus médicos e segurança. Passou a evitar contatos e proximidades, depois de devidamente admoestado pela sua segurança. Ninguém está livre de ser portador do vírus, por mais segregado que esteja ou que queira ficar, se ele está no ar, em “ondas”, como afirmam estudiosos. Quanto mais fria a região, mais ele se prolifera, foi por baixa intensidade de reprodução no Brasil onde, dizem, o vírus sucumbe a uma temperatura de 10 graus centígrados. Impedir pessoas de irem à praia, circularem no comércio, com a natural preocupação de manter distância, é uma estupidez, se o vírus está no ar. Como esconder-se dele? Os responsáveis pela vigilância sanitária consideram o uso de máscaras, de um modo geral, uma besteira, a não ser que elas sejam substituídas de três em três horas de uso. O mundo vai se transformar num povoamento de mascarados inúteis.

 

A onda vai passar e toda confusão montada com o nome do presidente Jair Messias Bolsonaro, também. Ele vai dar a volta por cima e Lula e todos aqueles contrários a ele não poderão sair às ruas, porque são quase linchados. A Globo, seus repórteres são enxotados quando surgem em público, como que contaminados, ou pior ainda... Ronaldo Caiado, governador de Goiás, ficou contra Lula, ao lado do Governador de São Paulo e do Rio de Janeiro. Quase foi apedrejado. Por aí vai, graças ao mentiroso da OMS, Tedros Adhanom.

 

 

 

 

 


Imprimir | Enviar para um amigo



« Recentes   2314 2313 2312 2311 2310 2309 2308 2307 2306 2305   Anteriores »